Última hora

Última hora

Familiares de vítimas criticam declarações de Karadzic

Em leitura:

Familiares de vítimas criticam declarações de Karadzic

Familiares de vítimas criticam declarações de Karadzic
Tamanho do texto Aa Aa

Na Bósnia, familiares das vítimas dos massacres cometidos pelas forças sérvias reagem com amargura à rejeição de culpa de Radovan Karadzic.

Kada Hotic, uma das “Mães de Srebrenica” – que perdeu o filho, o marido e mais de cinquenta familiares -, diz que “com o comportamento que ele demonstra em Haia, não dá qualquer hipótese à criação de qualquer tipo de confiança, necessária para a reconciliação e a coabitação”.

Zumra Sehomerovic, que também perdeu o marido e o filho, afirma que “se a União Europeia ganhou o Prémio Nobel da Paz apesar de ter tolerado o genocídio em Srebrenica, não é uma surpresa que Karadzic acredite que deve também ser louvado”.

Na República Srpska – a República Sérvia da Bósnia – Karadzic é visto como um herói e as reações são, portanto, bastante distintas.

Uma mulher diz que “não haverá Justiça, porque os sérvios nunca conseguem obter Justiça. Todos conseguem julgamentos justos, menos os sérvios. Desejo-lhe o melhor, mas penso que ele não sairá de lá”.

Certo é que, independentemente do veredicto, o julgamento reabre uma das mais profundas feridas da sociedade bósnia.