Última hora

Última hora

Portugal: Polícia lançou cães contra manifestantes que diziam "não" ao Orçamento do Estado

Em leitura:

Portugal: Polícia lançou cães contra manifestantes que diziam "não" ao Orçamento do Estado

Tamanho do texto Aa Aa

Elementos do Corpo de Intervenção concentrados na escadaria da Assembleia da República, em Lisboa, avançaram com cães contra vários manifestantes que arremessaram pedras, garrafas e outros objetos, havendo pelo menos um ferido.

Mais de 3 mil pessoas participaram na concentração
“Cerco a S.Bento!” que se iniciou às 18:00 de segunda-feira junto à Assembleia da República, para dizerem que este não é o seu Orçamento de Estado.

“O Governo há de cair, a democracia há de funcionar a favor do povo, a democracia há de ser nossa e portanto temos de pressionar ao máximo para que este Governo caia o mais rapidamente possível”, disse um manifestante.

Uma fonte da PSP adiantou que a ação do Corpo de Intervenção “visou apenas dispersar os manifestantes” e ocorreu após “o arremesso de inúmeros objetos contra a polícia”.

Várias centenas de pessoas continuaram concentradas nas imediações da Assembleia da República.

O Governo entregou segunda-feira na Assembleia da República a proposta de Orçamento do Estado de 2013, que prevê um aumento dos impostos, incluindo uma sobretaxa de 4% em sede de IRS.

O orçamento é votado na generalidade no final dos dois dias de debate, a 30 e 31 de outubro.
A votação final está agendada para 27 de novembro.