Última hora

Última hora

Vendas de carros na UE afundam em setembro

Em leitura:

Vendas de carros na UE afundam em setembro

Vendas de carros na UE afundam em setembro
Tamanho do texto Aa Aa

As vendas de carros novos na União Europeia (UE) registaram em setembro a maior queda num ano, segundo a Associação Europeia de Construtores Automóveis (ACEA). Foram vendidos 1,1 milhões de veículos, o que representa uma queda de 10,8% face setembro do ano passado.

O Reino Unido é um dos poucos países que apresenta crescimento. Os maiores mercados registaram quedas com dois dígitos.

A Alemanha recuou 10,9%. França 17,9%. Itália 25,7% e Espanha, sob efeito do aumento do IVA, caiu 36,8%. Em Portugal, a contração das vendas foi de 30,9%.

Poucos são os construtores que não se vêm afetados pela diminuição da procura.

Na Europa produz-se demais e vende-se cada vez menos há cinco anos. Há cada vez mais construtores em dificuldades. O presidente da ACEA e da FIAT, Sergio Marchionne, continua a defende ruma reestruturação europeia do setor.

Devido à crise do euro, a ACEA prevê uma queda de oito a dez por cento nas vendas de carros este ano. Uma tendência de queda que deverá manter-se em 2013.