Última hora

Última hora

Ruas de Espanha enchem-se de milhares de estudantes

Em leitura:

Ruas de Espanha enchem-se de milhares de estudantes

Tamanho do texto Aa Aa

Milhares de estudantes universitários e do secundário saíram, esta quarta-feira, à rua, um pouco por toda a Espanha. Pelo segundo dia consecutivo, manifestam-se contra os cortes orçamentais na educação, que têm como consequências, entre outras, a diminuição do número de professores e o aumento das propinas.

“É uma vergonha. Não vamos ser sempre os mesmos a pagar esta fraude. É isso que viemos dizer: reivindicar o nosso direito à educação. Porque todos os anos, todos os trabalhadores quotizam para que haja uma educação e uma saúde públicas”, indigna-se uma manifestante. Outro jovem explica: “Viemos lutar por uma educação pública de qualidade, na qual possamos participar todos e que não exclua aqueles que não têm dinheiro ou que são de certas classes sociais.”

O orçamento da educação já foi reduzido em mil milhões de euros, este ano. Redução que promete acentuar-se em 2013.

Estes protestos pontuam uma greve estudantil de três dias, que terminará quinta-feira, com uma manifestação onde se esperam também professores e encarregados de educação.