Última hora

Última hora

O iPad tornou-se "Mini"

Em leitura:

O iPad tornou-se "Mini"

Tamanho do texto Aa Aa

“É todo um novo conceito”, anuncia a Apple, que acaba de lançar a mais recente versão do iPad, de seu nome “Mini”. Phil Schiller, o diretor de marketing, apresentou aquela que é a primeira incursão da marca no mercado dos pequenos tablets: o ecrã tem apenas 7,9 polegadas, pouco mais de 20 centímetros. Nos Estados Unidos, o preço arranca nos 329 dólares; na Europa, 339 euros.

A especialista da Cnet, Maggie Reardon, afirma que se houve alguma surpresa, foi justamente o preço, uma vez que “era esperado que fosse mais barato. A Apple tem o iPad de dez polegadas e tem o Ipod Touch e, de certa forma, precisava de algo intermédio, um mercado que os seus concorrentes estão a explorar: a Google, com o tablet Nexus 7, e o Kindle Fire. E são produtos cujas vendas têm corrido muito bem.”

O iPad tradicional ultrapassou a barreira dos 100 milhões de exemplares vendidos, há duas semanas. O Mini será comercializado a partir do dia 2 de novembro em 34 países, Portugal incluído.