Última hora

Última hora

Opositor Serguei Udaltsov incorre em pena de 10 anos num campo russo

Em leitura:

Opositor Serguei Udaltsov incorre em pena de 10 anos num campo russo

Tamanho do texto Aa Aa

Serguei Udaltsov foi formalmente acusado de “preparação para a organização de distúrbios em grande escala” pela justiça russa.

O líder da oposição e dois dos seus assistentes que já se encontram detidos, arriscam-se agora a ser condenados a penas que podem ir até aos 10 anos de detenção num campo na Rússia.

A acusação surge poucos dias depois da detenção de dois outros membros do partido Frente de Esquerda, Kostantin Lebedev e Leonid Razvozjaev.

À chegada ao tribunal, Udaltsov referiu que as confissões de Razvozjaev foram feitas “sob tortura. É vergonhoso e negativo para a imagem da Rússia. Se alguém estava à espera que eu atravessasse a fronteira a correr como um cão com medo, está enganado. Não cometi crime nenhum.”

No dia 17 de outubro, o comité de inquérito anunciou a abertura de uma investigação sobre as atividades do líder da oposição com base em imagens difundidas pela NTV, estação de televisão pró-Kremlin.

Nas imagens filmadas com uma câmara oculta e de origem pouco precisa, a estação de televisão alega que membros da oposição, entre os quais estão Udaltsov, estão a preparar o derrube do governo através da força.