Última hora

Última hora

Soyuz chega à ISS ameaçada por nuvem de detritos espaciais

Em leitura:

Soyuz chega à ISS ameaçada por nuvem de detritos espaciais

Tamanho do texto Aa Aa

Acoplagem de sucesso entre a nave russa Soyuz e a Estação Espacial Internacional.

Os cosmonautas russos Oleg Novitski e Evgueni Tarelkine e o astronauta norte-americano Kevin Ford juntaram-se assim, esta quinta-feira, aos três ocupantes da ISS, para uma missão de quatro meses.

A norte-americana Sunitha Williams, o russo Iuri Malentchenko e o japonês Akihiko Hoshide deverão regressar à Terra a meio de Novembro a bordo da recém-chegada Soyuz TMA-06M.

A acoplagem deu-se no mesmo dia em que uma fonte no setor espacial russo confessou à agência Interfax que a ISS pode ver-se ameaçada por uma enorme nuvem de detritos.

O “lixo” espacial em questão foi formado pela explosão, a 16 de Outubro, do bloco de aceleração do foguetão Proton-M, numa operação falhada para colocar em órbita dois satélites russos.