Última hora

Última hora

Ucranianos elegem parlamento

Em leitura:

Ucranianos elegem parlamento

Tamanho do texto Aa Aa

Os ucranianos vão este domingo às urnas, para elegerem o novo parlamento.

Não se esperam grandes surpresas. As sondagens atribuem todo o favoritismo ao partido no poder, do presidente, Viktor Ianoukovitch.

Mas há expetativas em relação à votação da formação liderada pelo antigo pugilista, Vitali Klitschko.

Trata-se de uma figura muito popular na Ucrânia, com uma campanha que suscitou simpatia. Mas não deve pôr em causa a vitória de Ianoukovitch.

Umas eleições muito vigiadas, como diz um porta-voz da OCDE:

“É a maior missão de observação eleitoral, na História da OCDE. Conjuntamente com o Parlamento Europeu, o Conselho da Europa e a Assembleia Parlamentar da Nato, a Organização de Segurança e Cooperação na Europa tem mais de 800 observadores internacionais, em todo o território da Ucrânia”.

Eleições que são consideradas um teste ao funcionamento das instituições democráticas, da Ucrânia.

De fora da corrida fica a antiga Primeira-Ministra, Ioulia Timochenko, impedida de se candidatar.

Foi julgada e condenada a sete anos de prisão, por abuso de poder e por ter lesado os interesses do país.

Mas o Ocidente insiste que se trata de um processo com motivações exclusivamente políticas.