Última hora

Última hora

Hollande procura soluções para França e zona euro

Em leitura:

Hollande procura soluções para França e zona euro

Tamanho do texto Aa Aa

Foi à procura de medidas para relançar a competitividade em França e para resolver a crise da zona euro que François Hollande recebeu, em Paris, os dirigentes dos organismos económicos internacionais (Fundo Monetário Internacional, Banco Mundial, Organização Mundial do Trabalho, Organização Mundial do Comércio e Organização para a Cooperação e Desenvolvimento Económico).

No final do encontro, o presidente francês disse que, na próxima reunião do euro grupo, vão debater as medidas mais eficazes para resolver de forma durável o problema da Grécia, desde que Atenas cumpra os seus compromissos. Louvou os esforços italianos e espanhóis para controlar o défice e acrescentou: “A zona euro está quase a superar a crise que a atingiu e que era uma crise de incerteza e instabilidade. Mas ainda não a superamos. Precisamos de mecanismos, de regulamentação e de ações”.

Face à perda de peso económico a nível internacional e à subida do desemprego, o governo francês definiu a competitividade como questão prioritária, prometendo medidas abrangentes a partir de novembro. Na mesa está, por exemplo, a redução das cotizações patronais.

Os líderes de organizações internacionais seguem para Berlim, para uma reunião semelhante com Angela Merkel.