Última hora

Última hora

Sharp admite que pode não sobreviver aos prejuízos acumulados

Em leitura:

Sharp admite que pode não sobreviver aos prejuízos acumulados

Tamanho do texto Aa Aa

A empresa japonesa de eletrónica Sharp viu as suas ações cairem ainda mais depois de ter alertado que poderá não sobreviver aos prejuízos acumulados.

A agência Fitch também cortou o rating da empresa para o nível lixo, face às projeções da Sharp de prejuízos líquidos de 450 mil milhões de iénes, ou seja, mais de 4 mil milhões de euros.

A empresa, cuja monitores são usados ​​em iPads e iPhones da Apple, alegou problemas com fornecedores e quebra da procura no Japão e China.