Última hora

Última hora

França vai cooperar mais 4 anos com Obama

Em leitura:

França vai cooperar mais 4 anos com Obama

Tamanho do texto Aa Aa

A euronews esteve esta manhã na embaixada dos Estados Unidos em Paris, para um ato celebratório da vitória de Obama.

Convidado para a ocasião, juntamente com outros representantes do executivo francês, o ministro da Economia Pierre Moscovici disse que “apesar de terem sido os norte-americanos e não os franceses a escolherem o presidente, não se deixar de partilhar este prazer, porque [os franceses] sentem uma grande simpatia por Obama e partilham com ele muitas prioridades. Obama está atento ao futuro da Zona Euro e ao crescimento mundial. Agora, tem mais 4 anos e, durante esse tempo, vamos cooperar bem com ele”.

Entre a comunidade norte-americana da capital francesa, o ambiente era festivo.

Uma jovem diz que sente “uma grande felicidade e esperança quanto ao futuro dos Estados Unidos”.

Outro participante na celebração afirma que “o facto de que Obama foi eleito mostra que os norte-americanos reconhecem que o país precisa de ter um novo papel no mundo. Mas o facto de ter sido [uma eleição] tão renhida, mostra que ainda é uma nação em plena mudança”.

Cerca de 700 pessoas, entre as quais muitos jovens e estudantes norte-americanos, responderam ao convite do embaixador. Charles Rivkin diz que os Estados Unidos “podem ter uma tradição política que faz com que pareçam, por vezes, divididos, mas são uma nação e vão trabalhar em conjunto nos próximos quatro anos”.

Rivkin, que ocupa o cargo em Paris há quatro anos, é um amigo pessoal de presidente reeleito, que conhece desde os tempos da universidade.