Última hora

Última hora

Grécia: Mais austeridade aprovada "à justa": 100 mil protestam nas ruas

Em leitura:

Grécia: Mais austeridade aprovada "à justa": 100 mil protestam nas ruas

Tamanho do texto Aa Aa

Foi “à justa” que – ao final de uma maratona de mais de 12 horas – o parlamento grego aprovou um novo pacote de austeridade para desbloquear nova tranche de ajuda e evitar mais uma vez a falência.

São cortes no valor de 18,5 mil milhões até 2016 que deram mais um golpe na frágil coligação que dirige a Grécia.

O Dimar absteve-se e as dissidências nos campos conservador e socialista deixaram a maioria presa por dois lugares. 153 votos aprovaram o pacote ao som do protesto de 100 mil manifestantes nas ruas de Atenas e outras cidades.

“Luta, estão-nos a beber o sangue”, gritava-se e os mais radicais transformaram a praça Syntagma num verdadeira batalha campal.

São cada vez menos os que acreditam no rumo da austeridade, mas quem fala em crescimento também ainda não surgiu com uma receita credível.

Entretanto a Grécia vai poder receber mais uma tranche de 31,2 mil milhões de euros para as necessidades mais urgentes. A reforma passa para os 67 anos, 25 mil funcionários públicos serão despedidos, corta-se nas pensões e nos benefícios que ainda vão restando de um Estado Social.