Última hora

Em leitura:

Ativista anti-Putin condenado a quatro anos e meio de prisão


Rússia

Ativista anti-Putin condenado a quatro anos e meio de prisão

O ativista russo Maksim Luzyanin foi condenado a quatro anos e meio de prisão por participar nos confrontos com a polícia durante uma mega manifestação em Maio contra o presidente Vladimir Putin. Luzyanin é o primeiro de 18 acusados a ser condenado, num processo que a oposição diz servir para dissuadir qualquer contestação.