Última hora

Última hora

Angela Merkel visita Portugal

Em leitura:

Angela Merkel visita Portugal

Tamanho do texto Aa Aa

Angela Merkel está em Portugal para uma visita de seis horas.

Na comitiva Merkel leva um grupo de empresários alemães. A chanceler tem como objetivos ouvir as ideias dos responsáveis portugueses para a resolução da crise, elogiar os esforços feitos pelo país e quebrar o isolamento da Alemanha.

A visita da chanceler é mal vista pela oposição e por várias personalidades da sociedade portuguesa.

“O que quero dizer à senhora dona Merkel é: ‘A senhora tem de deixar de meter a pata em todos os países da Europa que estão em vias de grandes problemas como é o nosso. É uma indecência completa para com uma nacionalidade. A senhora parece que é, de facto, dona disto, que é a sua coutada’,” afirma a atriz São José Lapa, uma dos 100 subscritores da “Carta aberta a Merkel”.

Marco Marques, do movimento “Que se lixe a troika”, afirma que Merkel “não vem para avaliar as suas políticas vem, sim, tentar vir aos saldos em Portugal. Vem com um grupo de empresários que vêm a Portugal diagnosticar a miséria, se já está boa a miséria em Portugal.”

Em entrevista à Rádio e Televisão de Portugal, um dia antes de visitar o país, Angela Merkel diz que não há nada que justifique a renegociação do memorando assinado com a “troika”.

“As medidas estão a ser bem implementadas e espero que o programa seja um êxito”, confessa a chanceler alemã.

Durante a visita, Angela Merkel, encontra-se com Passos Coelho e Cavaco Silva.

Em Lisboa, estão previstas, pelo menos duas manifestações de protesto contra a vista da chanceler e contra as medidas de austeridade.