Última hora

Última hora

Crise atinge Vodafone

Em leitura:

Crise atinge Vodafone

Tamanho do texto Aa Aa

O grupo Vodafone vê-se atingido fortemente pela crise, registando a primeira quebra dos resultados desde 2010.

A segunda maior operadora de telemóveis do mundo registou, no primeiro semestre, prejuízos de 1,98 mil milhões de libras, o equivalente a 2,4 mil milhões de euros.

As vendas no segundo trimestre caíram 1,4%, mais do que previsto, e os negócios em Espanha e Itália desvalorizaram 5,9 mil milhões de libras (7,3 mil milhões de euros).

Apesar do desempenho positivo nos mercados emergentes e da joint venture com a Verizon nos Estados Unidos, a Vodafone baixa as previsões anuais.

Em Portugal, os resultados caírem 35%.