Última hora

Última hora

França reconhece Coligação Nacional Síria

Em leitura:

França reconhece Coligação Nacional Síria

Tamanho do texto Aa Aa

Foi o momento mediático de François Hollande. Esta terça-feira, o presidente francês deu a sua primeira conferência de imprensa, após a eleição de maio. Durante mais de duas horas e perante cerca de 400 jornalistas, franceses e estrangeiros, Hollande falou de política externa e não só.

“Anuncio aqui que a França reconhece a Coligação Nacional Síria como a única representante do povo sírio e, portanto, futuro governo provisório da Síria democrática, que permitirá pôr fim ao regime de Bashar Al-Assad”, afirmou o presidente francês.

François Hollande não pôde, contudo, ignorar a crise económica e financeira do mundo ocidental, e pediu tempo aos franceses para endireitar a economia do país: “A minha missão é simples: consiste em voltarmos a crescer e reduzir o desemprego. É em relação a esses resultados, e só a esses resultados, que peço para ser julgado pelos franceses.”

Com esta primeira conferência de imprensa desde o início do mandato, François Hollande tentar aumentar a quota de popularidade do seu executivo junto da opinião pública francesa. As últimas sondagens indicam uma estabilização da taxa de popularidade após quatro meses de descida constante.