Última hora

Última hora

Novo comissário europeu para a Saúde cria polémica

Em leitura:

Novo comissário europeu para a Saúde cria polémica

Tamanho do texto Aa Aa

O presidente da Comissão Europeia deu o seu aval à nomeação de um novo comissário da Saúde o ministro dos Negócios Estrangeiros, de Malta Tonio Borg.

A nomeação de Borg deverá ainda receber “luz verde” do Parlamento Europeu e do Conselho Europeu mas a um série de comentários sobre a homosexualidade e sobre a oposição ao aborto indignou os Verdes, Socialistas e Liberais criou polémica.

“Nunca fiz comentários deselegantes mesmo aqueles que circulam e que afirmam coisas que eu não disse”.

Tonio Borg teve de se explicar frente aos parlamentares sobre as suas posições conservadoras tendo sido acusado de fugir às perguntas lançadas pelas deputados.

Borg limitou-se a prometer que fará o necessário para que a lei seja respeitada, o que não convenceu.

“Se ele vier a ser comissário da Saúde terá de tratar de dossiês como HIV e a prevenção contra a Sida assim como do acesso aos tratamentos. Eu penso que houve uma tomada de posição muito equívoca que não são compatíveis com a carta fundamental dos direitos humanos da União Europeia”.

A 16 de Outubro, o anterior comissário para a Saúde e Defesa do Consumidor teve de demitir-se na sequência de uma investigação conduzida pelo gabinete de luta antifraude da União Europeia .