Última hora

Última hora

ONU pede contenção mas EUA apoiam Israel

Em leitura:

ONU pede contenção mas EUA apoiam Israel

Tamanho do texto Aa Aa

O Conselho de Segurança da ONU reuniu-se, esta noite, de urgência, para analisar a escalada da violência entre palestinianos e israelitas na Faixa de Gaza.

O Conselho pediu às duas fações “a máxima contenção”.

Os palestinianos condenam os novos ataques de Israel e afirmam que está em marcha uma possível invasão da Faixa de Gaza.

“Condenamos veementemente esta última agressão contra nosso povo. A situação é muito explosiva. Eles estão a mobilizar um grande número de forças terrestres, com o intuito de avançarem para a Faixa de Gaza”, afirma o embaixador Palestiniano ma ONU, Ryiad Mansour.

O embaixador de Israel nas Nações Unidas, Ron Prosor, reafirmou a posição do país.

“Cada Estado, cada nação, cada governo tem o direito de defender os seus cidadãos. Nós não vamos permitir que isto continue. Qualquer distorção da interpretação dos factos não só não levará à paz na região, mas, pelo contrário, conduzirá a mais violência”, conclui.

Israel tem um apoiante de peso, os Estados Unidos da América. Segundo um comunicado da Casa Branca, Barack Obama falou, durante a noite, com
o primeiro-ministro, Benjamin Netanyahu, e confirmou “o direito de Israel de se defender contra os ataques do Hamas”.