Última hora

Última hora

Israel reforça escudo antimíssil em Telavive

Em leitura:

Israel reforça escudo antimíssil em Telavive

Tamanho do texto Aa Aa

As sirenes voltaram a soar em Telavive pelo terceiro dia, depois do Hamas ter lançado este sábado dois mísseis sobre a cidade.

Trata-se do terceiro ataque com mísseis iranianos, com um alcance de 75 quilómetros, a atingir os arredores de Telavive, desde o início do conflito, na quarta-feira.

Um dos engenhos explosivos foi intercetado pela bateria anti-aérea instalada pelas autoridades ao início da manhã de sábado.

O segundo míssil teria atingido uma zona desabitada, sem provocar vítimas.

Israel reforça assim o seu escudo antimíssil – batizado “cúpula de ferro” – face à capacidade reforçada do Hamas em atingir alvos no norte de Israel.

O Irão negou ontem ter fornecido este novo equipamento ao movimento palestiniano.

Os especialistas sublinham que este tipo de mísseis, com maior alcance e menor precisão, é mais fácil de intercetar do que as centenas de rockets que atingem o território israelita nos últimos dias.