Última hora

Última hora

ONU mostra esperança no fim da epidemia da SIDA

Em leitura:

ONU mostra esperança no fim da epidemia da SIDA

Tamanho do texto Aa Aa

A ONU está otimista face ao combate contra a SIDA e considera que o fim da epidemia é “alcançável”.

No relatório anual apresentado em Genebra, a ONUSIDA destaca os progressos no tratamento da doença e a forte diminuição no número de novos casos e nas mortes associadas à epidemia.

Em seis países da África Subsariana – região de mundo com a maior concentração de casos – o número de infeções entre as crianças diminuiu de 40 por cento entre 2009 e 2011.

Entre 2005 e 2011, o número de mortes anuais devido ao HIV diminuiu em mais de meio milhão.

O diretor-geral da ONUSIDA, Michel Sidibé, afirma que “estamos a alcançar os objetivos de desenvolvimento do milénio, de parar e inverter a epidemia da SIDA. As novas infeções de HIV e as mortes associadas estão em declínio”.

Os objetivos, definidos no ano passado, preveem nomeadamente uma redução, até 2015, de metade do número de transmissões entre toxicodependentes, bem como da transmissão da doença por via sexual.