Última hora

Última hora

Sarkozy ilibado após audição de 12 horas no tribunal

Em leitura:

Sarkozy ilibado após audição de 12 horas no tribunal

Tamanho do texto Aa Aa

Nicolas Sarkozy sai do primeiro teste dos tribunais sem ser imputado. O ex-presidente francês abandonou, em liberdade, o tribunal de Bordéus depois de uma longa audição de cerca de 12 horas.
 
Os juízes de instrução não encontraram provas contra o político que poderá voltar a ser ouvido no processo, não como suspeito mas apenas como “testemunha assistida”.
 
Sarkozy negou as acusações de “abuso da senilidade” de uma das maiores fortunas de França, Lilliane Bettencourt, para financiar a sua campanha eleitoral de há 5 anos.
 
Em causa no mesmo processo está também o antigo ministro e tesoureiro de campanha, Eric Woerth, que teria recebido vários envelopes com dinheiro da herdeira da empresa de cosméticos L’Oreal.
 
Nicolas Sarkozy é o segundo presidente francês, depois de Jacques Chirac, a enfrentar os tribunais à saída do Eliseu.
 
De regresso à sua profissão de advogado, Sarkozy enfrenta outros dois processos relacionados com o financiamento de outras duas campanhas eleitorais.