Última hora

Última hora

A ameaça do aquecimento global

Em leitura:

A ameaça do aquecimento global

Tamanho do texto Aa Aa

Ao mesmo tempo que está a decorrer mais uma Conferência da ONU sobre Alterações Climáticas, muitas pessoas nos Estados Unidos levantam questões no rescaldo da tempestade Sandy.

Será que as tempestades que têm assolado os Estados Unidos são uma consequência direta das alterações climáticas e do aquecimento global?

“Estou firmemente convicto de que a mudança climática é uma realidade que resulta do impacto da atividade humana e das emissões de carbono. Consequentemente temos a obrigação para com as gerações vindouras de fazer algo sobre isso”, afirmou Obama.

Segundo a Organização Mundial de Meteorologia, cerca de 375 mil milhões de toneladas de carbono foram libertadas para a atmosfera desde o início da Era Industrial em 1750.

“Estamos preocupados com as emissões globais. O impacto global das mudanças de clima nos Estados Unidos será tanto aqui como no Bangladesh, Paquistão ou Nicarágua. Temos mesmo de agir já. É o que a supertempestade Sandy nos está a dizer”, disse uma especialista na matéria.

Um relatório do Programa das Nações Unidas para o Meio Ambiente revela que em 2020 as emissões globais de gases com efeito estufa podem subir entre 8 mil milhões e 13 mil milhões de toneladas, o que pode levar a um aumento da temperatura superior aos dois graus Celsius previstos pelos cientistas.