Última hora

Última hora

França: Juppé anuncia fracasso de mediação na crise de liderança da principal força da oposição

Em leitura:

França: Juppé anuncia fracasso de mediação na crise de liderança da principal força da oposição

Tamanho do texto Aa Aa

O ex-primeiro-ministro Alain Juppé anunciou o fracasso na mediação da crise interna da principal força da oposição em França.

O fundador da União para um Movimento Popular não conseguiu um acordo entre o secretário-geral do partido, Jean-François Copé, e o anterior chefe do governo, François Fillon, que pretende transferir agora o conflito para os tribunais.

A representante de Fillon, Valérie Pecresse, diz que o ex-primeiro-ministro “aceitou todas as condições [propostas por Juppé], mas Copé recusou a mediação, apesar das esperanças dos militantes”.

Para o campo de Copé, o litígio deve ser tratado pela comissão de recursos internos do partido conservador. Luc Chatel, membro da campanha do secretário-geral da UMP, diz que “existem feridas que serão muito difíceis de sarar. A única forma é, primeiro que tudo, respeitar as regras. Quando se é um líder político, quando se foi ministro e primeiro-ministro, é preciso respeitar as regras”.

Na origem da crise, uma eleição renhida após a qual a comissão eleitoral interna da UMP concedeu a vitória a Copé, tendo depois reconhecido que não foram contados os votos de três territórios ultramarinos.