Última hora

Em leitura:

Eslovenos em protesto


Eslovénia

Eslovenos em protesto

Terminou em confrontos a manifestação em Maribor, a segunda maior cidade da Eslovénia.

Milhares de pessoas saíram à rua para exigir a demissão do presidente da câmara acusado de corrupção. Com passar das horas os ânimos exaltaram-se e o protesto que começou de forma pacífica acabou desta forma.

Os manifestantes lançaram pedras e garrafas contra a Câmara Municipal.

A polícia utilizou gás lacrimogéneo para dispersar a multidão. Uma pessoa ficou ferida e pelo menos 20 foram detidas.

Os protestos também se fizeram ouvir na capital eslovena, mas de forma mais ordeira.

Um dia depois das presidenciais, centenas de pessoas pediram em Liubliana a demissão do atual executivo que acusam de deixar o país à deriva.

A braços com uma crise económica sem fim à vista, a Eslovénia prepara-se para adotar novas medidas de austeridade.

Há pontos de vista diferentes para cada história: a Euronews conta com jornalistas do mundo inteiro para oferecer uma perspetiva local num contexto global. Conheça a atualidade tal como as outras línguas do nosso canal a apresentam.

Artigo seguinte

mundo

Hollande e Monti reafirmam a unidade europeia no meio da turbulência