Última hora

Última hora

A bandeira da discórdia em Belfast

Em leitura:

A bandeira da discórdia em Belfast

Tamanho do texto Aa Aa

Em defesa da bandeira britânica, cerca de um milhar de manifestantes unionistas envolveram-se ontem em confrontos com a polícia, na Irlanda do norte.

O protesto, à porta da câmara de Belfast, ocorre depois da decisão do conselho municipal de retirar a bandeira britânica, até hoje, hasteada em permanência no edifício.

Os manifestantes tentaram ocupar a câmara antes de serem dispersados pela polícia. Pelo menos cinco pessoas ficaram feridas nos confrontos, entre as quais um fotojornalista e dois agentes da ordem.

A decisão, contestada nas ruas, obteve no entanto o apoio de republicanos e protestantes, no conselho municipal, dominado pelos nacionalistas.

A decisão prevê que a bandeira seja hasteada apenas 17 dias por ano, “para criar um ambiente de neutralidade numa cidade dividida”.

Uma decisão aprovada no passado pelo governo paritário da região, e em vigor no parlamento autonómico.