Última hora

Última hora

Síria: Obama avisa Assad que não vai tolerar armas químicas

Em leitura:

Síria: Obama avisa Assad que não vai tolerar armas químicas

Tamanho do texto Aa Aa

Estas imagens foram captadas por um video amador, na cidade síria de Aleppo, imediatamente a seguir à explosão de uma bomba, num mercado.

Não foi divulgado o número de vítimas, mas as imagens não deixam dúvidas sobre os efeitos do ataque.

É uma das faces de um país há vinte meses em guerra que conta aos milhares os mortos, no dia em que Barack Obama lançou o aviso a Damasco sobre a possível utilização de armas químicas:

“Hoje quero deixar absolutamente claro a Assad e aos que estão sob o seu comando. O mundo está de olho em vocês e o uso de armas químicas é totalmente inaceitável e se vocês cometerem o trágico erro de utilizar essas armas, vai haver consequências e vão pagar por isso”, afirmou.

A violência tem aumentado consideravelmente nos últimos dias, os rebeldes reivindicam o controlo de regiões próximas de Damasco, mas a comunidade internacional mantem-se cética.

Entretanto, o regime assistiu a mais uma deserção. Jihad al-Makdissi, o porta-vo do ministro dos Negócios Estrangeiros deixou o país.