Última hora

Última hora

Meshaal apela a unidade palestiniana e promete nunca reconhecer Israel

Em leitura:

Meshaal apela a unidade palestiniana e promete nunca reconhecer Israel

Tamanho do texto Aa Aa

O discurso do líder do Hamas no exílio, Khaled Meshaal – numa visita histórica à Faixa de Gaza -, marcou este sábado o ponto alto das comemorações do vigésimo quinto aniversário do movimento palestiniano.

Acompanhado pelo chefe do governo do Hamas, Ismail Haniyeh, Meshaal prometeu às mais de cem mil pessoas reunidas na praça da Katiba, na cidade de Gaza, nunca reconhecer Israel e apelou à unidade nacional palestiniana.

O líder do Hamas frisou que o presidente da Autoridade Palestiniana, Mahmud Abbas, “concretizou um passo pequeno, mas importante, nas Nações Unidas” ao obter para a Palestina o estatuto de “Estado observador não-membro da ONU”. Meshaal disse que pretende “que esse passo e a vitória de Gaza representem um forte apoio para a reconciliação palestiniana e a independência do território”, sublinhando que os palestinianos não vão “conceder um único centímetro da sua terra”.

Nascido na Cisjordânia, Meshaal viveu a maior parte da vida no exílio e é a primeira vez que visita a Faixa de Gaza.

O Hamas celebra os 25 anos com alguns dias de avanço, para coincidir com o aniversário do início da primeira Intifada, a 8 de Dezembro de 1987.