Última hora

Última hora

Morsi retira decreto de super poderes presidenciais

Em leitura:

Morsi retira decreto de super poderes presidenciais

Tamanho do texto Aa Aa

O presidente do Egito cedeu ao braço de ferro com a oposição e anulou o decreto que reforçou os seus poderes e que tinha desencadeado uma grave crise política no país.

Mhoamed Morsi decidiu no entanto manter a data de 15 de dezembro para a realização do referendo à nova Constituição, por ser legalmente impossível alterar a data.

Numa conferência de imprensa o porta voz do preisidente declarou que todas as forças políticas estão convidadas a participar e a dar opinião sobre as emendas às Constituição.

O decreto, assinado pelo presidente a 22 de novembro, provocou uma forte vaga de contestação no Egito, com manifestações de milhares de pessoas que, em alguns casos, degeneraram em confrontos.

“Cancelar o decreto significa que se evita um banho de sangue no Egito” refere este manifestante.

Na madrugada de quinta-feira passada, sete pessoas morreram e centenas ficaram feridas na violência gerada pelos confrontos no Cairo.