Última hora

Última hora

Itália: Berlusconi perseguido por "bunga bunga"

Em leitura:

Itália: Berlusconi perseguido por "bunga bunga"

Tamanho do texto Aa Aa

O processo “Rubygate” ensombra o regresso à vida política de Silvio Berlusconi. A jovem dançarina marroquina não compareceu na audiência do processo marcada para hoje em Milão.

Segundo os advogados de Karima El Mahroug, ou “Ruby”, a testemunha encontra-se em paradeiro desconhecido.

Uma ausência que poderá atrasar todo o processo em que Berlusconi é acusado de ter recorrido aos serviços da então, prostituta e menor, durante as famosas festas privadas “bunga bunga”.

Uma situação conveniente para o ex-primeiro-ministro que poderia evitar uma possível condenação em plena campanha para as legislativas de fevereiro.

Berlusconi acusou, por seu lado, os magistrados de Milão de terem iniciado já a campanha contra ele.

A audiência desta segunda-feira foi entretanto adiada para daqui a uma semana, num momento em que várias fontes afirmam que “Ruby” poderia ter saído de Itália e encontrar-se-ia nos Estados Unidos.