Última hora

Última hora

EUA: 28 mortos em tiroteio numa escola primária do Connecticut

Em leitura:

EUA: 28 mortos em tiroteio numa escola primária do Connecticut

Tamanho do texto Aa Aa

Vinte e oito mortos é o sangrento balanço do tiroteio desta sexta-feira numa escola primária do Connecticut, o último incidente mortífero com armas de fogo nos Estados Unidos.

Um homem, identificado como Adam Lanza, de 20 anos, e munido com várias armas de fogo, entrou durante a manhã na escola primária de Sandy Hook, na pequena localidade de Newtown e abriu fogo, matando vinte crianças e seis adultos.

O tenente Paul Vance, porta-voz da polícia estatal do Connecticut, explicou que “não é uma cena simples. É preciso proceder a identificações e documentar a totalidade da cena do crime. É preciso responder a todas as questões, para saber exatamente como é que ocorreu este incidente. Não há, de momento, qualquer previsão para o tempo necessário para completar a investigação. Será preciso trabalhar com os médicos legistas e identificar [todas as vítimas]. Há muito trabalho por fazer nesta escola”.

O atirador matou outra pessoa numa casa de Newtown, antes do tiroteio. Adam Lanza foi encontrado morto na escola e o New York Times diz que se suicidou depois do massacre, citando uma fonte próxima das investigações.

O irmão, Ryan Lanza, inicialmente identificado como autor do massacre, terá sido interpelado pelas autoridades.