Última hora

Última hora

Dedos em risco num record gelado

Em leitura:

Dedos em risco num record gelado

Tamanho do texto Aa Aa

Charlie Simpson estabeleceu um novo recorde mundial, apesar do receio que lhe pudesse custar os dedos. O cantor e compositor britânico detém agora o recorde do concerto mais frio, depois de ter atuado numa aldeia siberiana, com temperaturas na ordem dos 30 graus negativos. Charlie teve de tocar durante 15 minutos, com intervalos não superiores a 30 segundos entre as músicas.