Última hora

Última hora

Gregos protestam contra despedimentos

Em leitura:

Gregos protestam contra despedimentos

Tamanho do texto Aa Aa

Os funcionários públicos gregos cumprem hoje uma greve de 24 horas em protesto contra as medidas de austeridade que foram implementadas pelo governo.

O protesto foi convocado pelo sindicato Adedy, que representa cerca de 500 mil funcionários públicos, ou seja um quarto da força de trabalho do país.

Entre as medidas contra as quais os funcionários protestam está a previsão de 27 mil despedimentos.

“Estão a beber o nosso sangue. Se puser a sua mão no bolso dos trabalhadores não encontrará nada, porque esta política conduziu-nos à pobreza e ao desespero”.

“Os trabalhadores gregos estão a ser violentamente abusados estão a ser empobrecidos e destruidos. Estamos a ter uma crise humanitária na Grécia”.

Uma marcha com milhares de professores, médicos e funcionários municipais ocupou o centro de Atenas. Cerca de 2.000 policiais já foram destacados.