Última hora

Última hora

China: nova lei reforça controlo da internet

Em leitura:

China: nova lei reforça controlo da internet

Tamanho do texto Aa Aa

A China reforça o já apertado controlo da internet no país.

O Congresso nacional do povo chinês adotou uma nova lei que obriga os internautas a fornecerem a verdadeira identidade nos registos do acesso à internet e a outros serviços de telecomunicações que, segundo o texto, “permitam aos utentes publicar informações de domínio público”.

Para muitos, as novas medidas reforçam o sistema chinês de censura da web, apelidado de “Grande Muralha Informática”.

Em Hong Kong, um “blogger” chinês explica que “desde que a internet chegou à China, o governo tem imposto repetidamente medidas restritivas, como escudos, bloqueios ou proibições. Gastou milhares de milhões de dólares para construir um ‘firewall’ contra sites estrangeiros. Não quer nenhuma liberdade de expressão, porque isso iria ferir os seus interesses”.

Pequim diz que quer “garantir a segurança da informação e salvaguardar os direitos dos cidadãos”.

Mas o controlo das autoridades sobre opiniões dissidentes não é novidade, incluindo o bloqueio de buscas na internet ou redes sociais como o Twitter.