Última hora

Última hora

Dois vencedores na descida de Bormio

Em leitura:

Dois vencedores na descida de Bormio

Tamanho do texto Aa Aa

Terminou de forma emocionante a descida de Bormio na Itália com os quatro primeiros a completarem o percurso de 3270 metros separados por apenas quatro centésimos.

Uma prova de cortar a respiração, que deu a primeira vitória na Taça do Mundo de Esqui Alpino ao homem da casa. Dominik Paris de 23 anos triunfou em Bormio com o tempo de 1“58’62. O italiano, especialista em provas de velocidade, festejou o primeiro triunfo da carreira, mas teve de partilhar o topo do pódio com o austríaco Hannes Reichelt, que concluiu a descida precisamente com o mesmo tempo. Para o austríaco esta foi a sexta vitória da carreira e a segunda na etapa de Bormio.

O norueguês Aksel Lund Svindal, lider da Taça do Mundo, foi terceiro com apenas um centésimo a mais do que os líderes. Apesar do norueguês contar com 19 vitórias na taça do mundo, esta foi a primeira vez, em 11 anos de carreira, que Svindal consegue subir ao pódio em Bormio. Com este terceiro lugar, Svindal reforçou a liderança da classificação geral com 674 pontos.