Última hora

Última hora

Internet absorve o papel da "Newsweek"

Em leitura:

Internet absorve o papel da "Newsweek"

Tamanho do texto Aa Aa

A última Newsweek estará nas bancas no dia 31 e vem carregada de nostalgia, ostentando na capa uma fotografia a preto e branco da sede em Nova Iorque.

A partir de agora, a célebre Newsweek só em versão online. A segunda revista americana de maior tiragem imprimiu esta sexta-feira o seu último número.

A internet vai abatendo, um a um, os gigantes da imprensa escrita. É o fim de uma era. E foi na rede Twitter que a diretora, Tina Brown, se exprimiu, escrevendo: “É um doce amargo… desejem-nos boa sorte”.

Este novo destino da Newsweek começou a ser escrito em 2010 quando foi vendida por um simbólico dólar pelo grupo Washington Post a um multimilionário californiano, que depressa a passou ao grupo internet IAC.

Aos 80 anos a Newsweek, vê-se obrigada a adaptar-se ao desafio do novo paradigma da informação. Um caminho inevitável à sobrevivência do media mundiais.