Última hora

Última hora

Gregos preparam-se para mais um ano austero

Em leitura:

Gregos preparam-se para mais um ano austero

Tamanho do texto Aa Aa

Com 2013, chega mais um ano de austeridade para países como a Grécia ou Portugal.

Na Grécia, são cada vez mais os sem-abrigo e aqueles que têm de recorrer às organizações de solidariedade, que neste período de festas tiveram mais trabalho que nunca.

Marinos Sargantaris está desempregado, depois de uma vida a trabalhar na siderurgia: “Não é a primeira vez nem a segunda que venho aqui, já várias vezes vim comer aqui e vou continuar a precisar, porque não há esperança à vista. Toda a gente nos abandonou”.

A Câmara de Atenas ofereceu uma refeição de ano novo a centenas de pessoas em dificuldade. Para o Presidente da Câmara, George Kaminis, a situação é muito difícil de gerir: “A crise económica ainda não atingiu o pico e estamos à espera de mais pessoas. Mas penso que a fase mais complicada já passou”.

Nesta refeição, não faltou o tradicional Vasilopita, o bolo de ano novo grego. 2012 foi um ano marcado pela crise e pelas medidas de austeridade que causaram a revolta popular. 2013 promete ser pelo menos tão intenso.