Última hora

Última hora

Alunos de Newtown regressam às aulas

Em leitura:

Alunos de Newtown regressam às aulas

Tamanho do texto Aa Aa

É um regresso difícil às aulas para os alunos da antiga escola Sandy Hook de Newtown. As mais de 400 crianças com idades entre 5 e 10 anos retomaram ontem o ano letivo numa nova instalação, nos arredores da cidade de Monroe.

Protegidos pela polícia e acompanhados por psicólogos, tudo foi preparado ao milímetro para fazer esquecer o violento ataque armado que vitimou 26 alunos e professores no passado dia 14 de dezembro.

Segundo o responsável da polícia de Monroe, Keith White, “nós não queremos que os estudantes sintam que vivem num estado policial, queremos que sintam que estão numa escola, num local de aprendizagem e de convívio com os colegas, um local onde possam crescer”.

Desde o massacre, levado a cabo por um jovem de 20 anos, que o debate sobre as armas de fogo nos Estados Unidos é acompanhado pelo reforço da segurança nas escolas. A venda de mochilas à prova de bala explodiu nas últimas semanas, quando são esperadas, até ao final do mês, novas medidas do governo para reforçar o controlo sobre a venda de armas automáticas e de carregadores de alta capacidade, como aqueles utilizados pelo atirador de Newtown.