Última hora

Última hora

Centro Europeu Contra o Cibercrime já está operacional

Em leitura:

Centro Europeu Contra o Cibercrime já está operacional

Tamanho do texto Aa Aa

A Europol, agência europeia de polícia, sedeada em Haia, na Holanda, vai passar a albergar também o novo Centro Europeu Contra o Cibercrime.

Conhecido por EC3, será inaugurado esta sexta-feira e tem como principal missão lutar contra os crimes cometidos via Internet, nomedamente os económicos, muito lucrativos como refere um dos peritos.

“A União Europeia é o maior mercado para as
transações usando cartões de débito e crédito e estimamos que a fraude com estes cartões permite aos grupos de crime organizado lucrarem cerca de 1500 milhões de euros por ano”, explicou Grzegorz Mazurkiewicz.

Alguns dispositivos para roubar os códigos secretos dos cartões parecem muito simples, mas são de grande eficácia. Mas o centro vai também investigar actividades online mais soifisticadas como vírus informáticos e roubo de dados.

O diretor do centro, Troels Oerting refere que “vamos passar a poder dar aos Estados-Membros dados sobre o panorama geral da criminalidade, apoio operacional e forense nos processos-crime e também podemos ajudá-los a terem mais capacidade de resposta aos ataques”.

O EC3 tem ainda como missão investigar casos de roubo de identidade na Internet, abuso e exploração sexual de crianças online e outros ataques cirbernéticos que colocam em causa a segurança de infraestruturas ou de instituições.