Última hora

Última hora

Futebol nas alturas

Em leitura:

Futebol nas alturas

Tamanho do texto Aa Aa

À primeira vista o campo de futebol do Gspon FC parece um campo normal, mas o clube de futebol desta pequena localidade montanhosa na suíça, tem algo de particular. Jogar em San Siro ou no Santiago Bernabéu não faz parte dos objetivos dos jogadores, que já encontraram o estádio dos seus sonhos.

Construído a dois mil metros de altitude, em relva sintética, o estádio do Gspon é o mais alto da Europa com uma esplêndida vista sobre os Alpes suíços. Os acessos ao estádio são a parte mais difícil: uma longa viagem de carro por uma estrada íngreme e cheia de curvas, depois segue-se uma travessia de teleférico e por último uma caminhada.

Os jogadores entram em campo já cansados, mas a vista panorâmica que a localização oferece compensa o esforço. “Quando assisto os grandes jogos de futebol na televisão, tenho muita vontade de experimentar a sensação de jogar nos maiores estádios da Europa, à frente de milhares de pessoas. Mas jogar neste campo é igualmente incrível”, comentou um dos jogadores da equipa, Lukas Furrer.

A época do Gspon começa na primavera e termina no outono quando chega a neve. A altitude não é um problema para os jogadores, mas sim as bolas perdidas. O clube desperdiça entre sete a 10 bolas por jogo que são, naturalmente, impossíveis de recuperar.