Última hora

Última hora

Depardieu critica oposição russa

Em leitura:

Depardieu critica oposição russa

Tamanho do texto Aa Aa

A oposição russa não oferece uma alternativa credível. Quem o diz é o ator francês Gerard Depardieu, que voltou a elogiar o presidente russo Vladimir Putin numa entrevista televisiva.

Em declarações ao canal estatal Rússia 24, Depardieu não hesitou em relançar a polémica, ao criticar os opositores de Putin, nomeadamente o ex-campeão mundial de xadrez, Gari Kasparov:

“A oposição não tem programa, nem nada. Há pessoas bastante inteligentes, como Kasparov, mas isso é bom para o xadrez e nada mais. A política é mais complicada.”

Depardieu defendeu também a posição do Kremlin face às ativistas da banda punk Pussy Riot:

“Os franceses sabem bem criticar, quando falam das Pussy Riot. Mas imagine se tivessem entrado [para protestar] numa mesquita. Teriam sido queimadas vivas.”

O ator francês tem alimentado a controvérsia, sobretudo desde que Putin lhe concedeu a nacionalidade russa no início do mês. Depardieu decidiu exilar-se de França em protesto contra a política fiscal do governo face aos rendimentos mais elevados.