Última hora

Última hora

ONU vai distribuir alimentos a 2,5 milhões de sírios ameaçados pela fome

Em leitura:

ONU vai distribuir alimentos a 2,5 milhões de sírios ameaçados pela fome

Tamanho do texto Aa Aa

O regime sírio bombardeou esta quarta-feira várias zonas controladas pelos rebeldes no país.

Os ataques que visaram zonas civis nos arredores da capital, em Hama e Idlib, destruíram igualmente um armazém de mantimentos em Homs.

As ações ocorrem num momento em que a ONU obteve a autorização de Damasco para distribuir comida a cerca de dois milhões e meio de habitantes ameaçados pela fome.

Em paralelo, o Irão concedeu esta quarta-feira um empréstimo de cerca de mil milhões de euros ao regime de Damasco, depois de ter assinado um acordo que abrange a cooperação na área da energia.

O dia fica marcado por um novo atentado contra edifícios governamentais e um posto de controlo do exército em Idlib, durante um triplo atentado que provocou pelo menos 24 mortos no nordeste do país.

O secretário-geral da ONU condenou como um “crime de guerra”, o duplo atentado que tinha ontem (terça-feira) vitimado 87 pessoas, a maioria estudantes, depois de duas explosões atingirem a universidade de Aleppo.