Última hora

Última hora

Milhares disparam protestos contra regras de controlo de armas

Em leitura:

Milhares disparam protestos contra regras de controlo de armas

Tamanho do texto Aa Aa

Milhares de pessoas dispararam vozes de protesto contra regras mais duras na posse de armas nos Estados Unidos. Várias cidades norte-americanas foram palco de manifestações no sábado depois de Barack Obama ter assinado 23 ordens executivas para travar um surto de violência armada.

“Podem dizer aos idiotas liberais em Washington para deixarem as nossas armas em paz, não estamos a magoar ninguém. São os criminosos, lidem com os criminosos”, diz um manifestante em Ohio.

Quem se magoou foram mesmo cinco pessoas, em diferentes protestos. As armas dispararam acidentalmente em demonstrações.

No Texas há quem acuse o presidente de querer acabar com as armas. “Tivemos o infeliz episódio de Newtown. Tivemos também o incidente de Aurora e em vez de apresentar soluções lógicas, sabe, controlo de sanidade mental, cadastro, acesso mais limitado, o presidente Obama aproveita para abrir caminho para nos retirarem as armas”, diz outro manifestante.

O tiroteio de Newtown em meados de Dezembro que provocou a morte a 26 pessoas foi um dos motivos para o debate sobre a introdução de novas regras no acesso a armas de fogo.

Este domingo é a vez dos partidários do controlo de armas se manifestarem.