Última hora

Última hora

Permanência na UE divide britânicos

Em leitura:

Permanência na UE divide britânicos

Tamanho do texto Aa Aa

A permanência ou não do Reino Unido na União Europeia já custou a vários governos de Sua Majestade a cadeira do poder.

Chegou a vez de David Cameron abordar a questão, mas ao fim de 40 anos os britânicos continuam divididos sobre esta matéria.

“O que se tem observado nos últimos anos, prova que o não termos entrado para a zona euro, foi uma boa opção. Agora estaríamos em grandes
apuros se o tivéssemos feito”, disse uma gestora londrina.

“Definitivamente, não devemos sair. É a mais errada e leviana fuga às responsabilidades de um primeiro-ministro, que se possa imaginar. Temos de estar na Europa. Será uma ruína para a economia se fizermos outra coisa. Cameron está a mexericar com uma minoria do seu partido, em detrimento do país. É uma decisão desastrosa”,
afirmou um advogado.

Segundo uma sondagem levada a cabo por um jornal britânico logo após o discurso de Cameron,
40 por cento dos britânicos diria sim à permanência na União Europeia e 34 por cento votaria não.