Última hora

Última hora

Nova aparição do presidente sírio durante cerimónia religiosa em Damasco

Em leitura:

Nova aparição do presidente sírio durante cerimónia religiosa em Damasco

Tamanho do texto Aa Aa

O presidente sírio Bashar Al-Assad surgiu, esta quinta-feira, na televisão pública, por ocasião das cerimónias religiosas do aniversário do nascimento do profeta Moamé, em Damasco.

Trata-se da primeira aparição desde o seu último discurso no dia 6 de janeiro, depois de ter voltado a recusar discutir uma solução para resolver o conflito que dura há quase dois anos.

Uma solução que continua a não passar pelo apoio à oposição, para o presidente russo e aliado de Assad.

Em Moscovo, Vladimir Putin afirmou-o de forma implícita, ao evocar a situação síria, lembrando que, “a revolta na Líbia contribuiu para fomentar armas responsáveis pela atual guerra no Mali e por consequência, o sequestro de estrangeiros na Argélia”.

Com o apoio implícito de Moscovo e explícito do Irão, o regime sírio prossegue, pelo quinto dia, os bombardeamentos sobre a cidade rebelde de Homs.

A tensão mantém-se presente também na fronteira com a Turquia, onde membros do exército livre sírio se envolveram em confrontos com rebeldes curdos.