Última hora

Última hora

Trabalhadores do metro grego desafiam governo

Em leitura:

Trabalhadores do metro grego desafiam governo

Tamanho do texto Aa Aa

Em Atenas, o metro está parado há oito dias e a confusão continua para quem tem de procurar alternativa nos autocarros.

O Governo grego divulgou, esta quinta-feira, a decisão de aplicar uma mobilização forçada, afirmando que quem não cumprir poderá incorrer em pena de prisão, mas os trabalhadores não se deixam intimidar:

“Estamos a protestar. Se eles querem despedir-nos façam-no. Vão levar mortos daqui e de toda a Grécia. A partir de amanhã, nenhum meio de transporte se vai mover” afirma um deles.

O Governo quer fazer cortes nos salários dos funcionários dos transportes públicos, mas estes trabalhadores não concordam com mais esta medida de austeridade.

Este foi mais um dia de protestos nas ruas de Atenas. Os manifestantes dizem não querer continuar a dar passos à retaguarda e estão contra as novas reformas que, acreditam, vão constranger mais ainda a sociedade.