Última hora

Última hora

Guilherme Alexandre assume trono holandês a partir de maio

Em leitura:

Guilherme Alexandre assume trono holandês a partir de maio

Tamanho do texto Aa Aa

Mal foi anunciado que a rainha Beatriz da Holanda ia proferir um discurso à nação, poucos tiveram dúvidas do que se tratava: a abdicação do trono em favor do príncipe herdeiro Guilherme Alexandre. Foi precisamente isso que aconteceu.

A monarca, que na próxima quinta-feira celebra 75 anos de idade, passou a chefia do Estado para as mãos do filho mais velho, declarando que esta é altura “de a nova geração assumir a responsabilidade” e que “tanto o Príncipe de Orange, como a princesa Máxima, estão preparados para a tarefa.”

Oficialmente, é a partir de maio que Guilherme Alexandre assume a cúpula da Casa Real Orange-Nassau, que governa o país desde 1815. Casado com a argentina Máxima Zorreguieta, o príncipe desenvolve trabalho na área da gestão de recursos aquíferos e é membro do Comité Olímpico Internacional.

O primeiro-ministro holandês pronunciou-se a seguir à rainha. Mark Rutte salientou “a admiração e o respeito pelo serviço excecional que a monarca prestou ao país, dedicando-se de corpo e alma desde que foi coroada em 1980.”

Beatriz sucedeu à sua mãe, a rainha Juliana, iniciando um reinado de proximidade, manchado pela tentativa de atentado em 2009.