Última hora

Última hora

Estação de Nova York faz cem anos

Em leitura:

Estação de Nova York faz cem anos

Tamanho do texto Aa Aa

A Grande Central de Nova York completou esta sexta-feira o seu centenário. Esteve imponente como sempre.

Esqueceu-se que já foi mais importante, quando recebia todos os comboios de longo de curso que chegavam à cidade.

Hoje, é apenas uma estação suburbana, com interface para o Metro. Mas é como Nova York, como recordou a atriz, Cynthia Nixon:

“A Grande Central é como tudo o que é de Nova York. É grande, é alta, é funcional, é disfuncional, está sempre cheia, é barulhenta, mas é qualquer coisa que Nova York é, também, e que não vamos esquecer. É tão bonita”.

A perda de importância já a ameaçou de demolição, nos anos 70.

Mas resistiu ao camartelo e hoje tornou-se num local obrigatório de visita, para os turistas.

O bolo teve a dimensão adequada.

Parabéns e, depois de cem anos, os votos de mais cem.