Última hora

Última hora

Caracas celebra sem Chávez aniversário do golpe militar de 1992

Em leitura:

Caracas celebra sem Chávez aniversário do golpe militar de 1992

Tamanho do texto Aa Aa

Dezenas de milhares de apoiantes de Hugo Chávez celebraram em Caracas o vigésimo primeiro aniversário da tentativa de golpe de Estado de 1992.

A data, consagrada pelas autoridades como “dia da dignidade nacional” marca o golpe falhado do então tenente-coronel Hugo Chávez contra o presidente Carlos Andres Perez, que se saldou na morte de 14 militares.

Condenado por “rebelião militar”, Chávez foi libertado dois anos mais tarde graças a uma amnistia, abrindo o caminho para a sua primeira eleição presidencial, em 1998.

O chefe de Estado continua hospitalizado na capital cubana, mas o vice-presidente Nicolas Maduro anunciou na sexta-feira o fim da fase pós-operatória do combate ao cancro e o líder do Parlamento, Diosdado Cabello, disse esta segunda-feira que o estado de Chávez “melhora dia após dia”.