Última hora

Última hora

18 detidos numa das maiores fraudes da história dos EUA

Em leitura:

18 detidos numa das maiores fraudes da história dos EUA

Tamanho do texto Aa Aa

É uma das maiores fraudes na história dos Estados Unidos. Dezoito pessoas foram detidas, no quadro de uma investigação por fraude com cartão de crédito.

A rede terá criado mais de sete mil falsas identidades, com as quais obteve mais de 25 mil cartões de crédito.

Um esquema bem rodado que permitiu ao grupo arrecadar, pelo menos, 200 milhões de dólares – cerca de 150 milhões de euros.

A rede de falsários criara empresas e comerciantes fictícios, em Jersey City, cidade a partir da qual o grupo operava.

Paul, Fishman, procurador-geral, explica: “Escondiam dezenas de milhares de dólares, em cash, em casa. Só numa, foram encontrados 68 mil dólares (cerca de 50 mil euros), escondidos no fogão da cozinha. E os comerciantes e donos de lojas, em Jersey City, que eram cúmplices, aproveitaram para comprar milhões de dólares em ouro e joias. Estamos a procurar tudo o que possamos encontrar.”

O FBI já identificou contas recetadoras na Índia, Paquistão, Emirados Árabes Unidos ou ainda Canadá, Roménia, China e Japão – países nos quais a rede, sediada no Estado norte-americano do New Jersey, tinha ramificações.

Cada um dos 18 suspeitos incorre numa pena de até 30 anos de prisão e numa multa de um milhão de dólares.