Última hora

Última hora

Cibercrime obriga Europa a cerrar fileiras

Em leitura:

Cibercrime obriga Europa a cerrar fileiras

Tamanho do texto Aa Aa

Bancos, aeroportos, hospitais e centrais elétricas europeias poderão ser obrigadas, muito em breve, a relatar os ataques informáticos de que são alvo.
 
A proposta foi avançada hoje pela Comissão Europeia ao obrigo de uma nova estratégia de luta contra o cibercrime no espaço comunitário. Uma forma de promover a segurança na Internet, um setor que atualmente representa cerca de 5% do PIB comunitário.
 
Para a Alta Representante para a Política Externa e de Segurança da União, Catherine Ashton, “a confiança deve ser melhorada não apenas entre os Estados mas também entre o setor público e o setor privado. A estratégia que lançámos agora estabelece uma série de prioridades para melhorar os sistemas informáticos, reduzir o cibercrime e estabelecer uma política comum para a segurança informática na UE”.